Saúde do Homem
Inscreva-se para receber
nossas newsletters
Busca Rápida

Bayer no Mundo
Bayer Links
Saúde Masculina

DISFUNÇÃO ERÉTIL (IMPOTÊNCIA SEXUAL)

  • Imprimir
    Imprimir
  • Favoritos
    Favoritos

Sua Parceira e Você

  • Tamanho da fonte:
  • A-
  • A
  • A+

A Disfunção Erétil e a Intimidade

Para algumas pessoas, a função sexual e a sexualidade estão associadas a certo grau de ansiedade. Todos desejam ser bons amantes e proporcionar prazer aos parceiros, assim como a si mesmos. Entretanto, a sexualidade masculina parece determinada pelas habilidades físicas e pelo desempenho. Embora muitos costumem definir o sexo como algo só físico, esse não é o caso de um grande contingente feminino. O que excita o homem nem sempre excita a mulher. Infelizmente essa diferença de sexualidade é com frequência mal compreendida ou desconsiderada.

A sociedade ensinou os meninos (e, portanto, os homens) a se relacionar de acordo com certas regras. Apertam as mãos e dão tapas nas costas uns dos outros, além de abraços. Pai e filho se relacionam simulando lutas e por meio de outras brincadeiras brutas. Os rapazes praticam várias atividades juntos, jogam bola, vão pescar etc. Para muitos, as palavras são menos importantes no desenvolvimento e na manutenção de um relacionamento. A ação é a chave do convívio. Eis a razão pela qual um problema de sexualidade masculina se torna tão difícil. Nossa cultura não ensina os homens a abordar temas como esse. A preocupação, o constrangimento e a falta de experiência dificultam a comunicação sobre sexualidade masculina.

As mulheres, por outro lado, aprenderam a se relacionar usando as palavras, e para elas o aspecto mais importante do relacionamento é a capacidade de expressar suas dificuldades. Podem perceber os sentimentos e os pensamentos embutidos nas ações. E adoram saber que são apreciadas ou que seu auxílio é valorizado. Os homens aceitam essas coisas como corriqueiras. Eles acreditam que as parceiras deveriam simplesmente ”saber” de seus sentimentos sem que fosse preciso falar sobre eles. Afinal, pensam, ”faço muito para demonstrar meu amor”.

A habilidade de prestar atenção nessas diferenças pode às vezes ocasionar uma expressiva mudança na qualidade de um contato sexual e na sexualidade masculina como um todo.

A maior parte dos homens acredita que uma das melhores maneiras de manifestar seu amor é fazer coisas para suas parceiras (e com elas). Entre os exemplos dados, destacam-se o amparo financeiro, o companheirismo (passar o tempo juntos, passear, assistir à TV e frequentar restaurantes, por exemplo), mandar consertar o carro delas e, claro, fazer amor. Essa forma de declaração de amor chama-se ”atividade partilhada”. A sexualidade masculina considera a ação uma abordagem do amor. A comunicação verbal é comumente tida pelos homens como menos importante — ”a ação fala mais alto que a palavra”.

No entanto, as mulheres costumam mostrar seu carinho através do diálogo e do compartilhamento pessoal. Elas dão ênfase à informação falada. A intimidade emocional, ou proximidade, é o objetivo mais significativo. Para muitas delas, a honestidade com os sentimentos e o diálogo sobre o relacionamento demonstram amor, e isso diferencia, em vários aspectos, sua sexualidade da de seus parceiros.

Essa intimidade é frequentemente a primeira vítima dos problemas sexuais. As pesquisas confirmam o fato de que, dentre os casais que enfrentam esses problemas, há diminuição das relações sexuais e do ritmo dos demais comportamentos carinhosos e íntimos, deixando de existir conexão direta com a sexualidade masculina.

As mulheres gostam de parceiros que podem e sabem falar sobre os próprios sentimentos. Se o homem está ansioso ou preocupado com alguma coisa, em especial com problemas de sexualidade ou de ereção, por que não dialogar? Se você tem predileção por ele/ela de algum modo específico, porque não mencioná-lo na sua situação de sexualidade masculina?

A maioria das mulheres também deseja um parceiro capaz de dizer “eu te amo”. Nem a falta de capacidade de comunicação deve impedir os homens de oferecer prazer desse modo tão direto. Muitos deles simplesmente nem se dão conta da importância de se comunicar com sua parceira de forma tão simples.

Em suma, o homem e a mulher são diferentes em vários aspectos. Elas querem parceiros autênticos, francos, honestos e generosos, acreditando que o importante é dizer o que sente. Os homens nem sempre assimilam isso com facilidade, e algumas mulheres têm dificuldade de explicar exatamente o que procuram. É necessário algum esforço para se manter emocionalmente disponível e sensível às aspirações do parceiro. Portanto, quando dá menos exclusividade aos aspectos físicos da sexualidade, o casal pode atingir um novo patamar de intimidade, mesmo passando por dificuldades nessas questões.

L.BR.GM.2012-01-26.0659
Leia também
< Voltar
  • Como compensar os abusos

    Exagerou no churrasco ou nas porções do barzinho?

    + mais
  • Depilação a laser

    Todo homem acostuma-se desde a adolescência a fazer a barba.

    + mais
  • Espermograma

    À primeira impressão, a tarefa é das mais fáceis. Afinal de contas, a masturbação deixou de ser um tabu há tempos.

    + mais
  • Esportes de Verão

    A praia oferece atrativos que vão muito além do descanso sob o sol. Entre eles está a prática de exercícios na areia.

    + mais
  • Dia do Homem

    Uma pesquisa mostra o hábito do cuidado da saúde masculina e sua importância

    + mais
  • Traiu e se arrependeu

    Mesmo uma relação estável está sujeita a traições. A principal justificativa da infidelidade é a crise na relação.

    + mais
Avançar >